Saiba que documentos você precisa consultar para normalizar suas referências no estilo ABNT

 

As férias forçadas desse espaço que ajuda tanta gente a normalizar os queridos/odiados TCCs acabaram! <3

Voltamos hoje, de vez, trazendo novos posts já com as novas regras da norma de referências da ABNT que – finalmente – saiu. As novidades virão em posts partidos, pois a NBR 6023/2018 tem 50 páginas a mais que a de 2002. 😛

Pra começar, fique logo sabendo que nem sempre é possível normalizar as referências do seu trabalho consultando apenas as regras da 6023.

No capítulo dois da norma de 2018, há quatro documentos indispensáveis para aplicar as regras às suas referências:

  • NBR ABNT 6028 – Resumo
  • NBR ABNT 10520 – Citações em documentos
  • NBR ABNT 10525 – Número padrão internacional para publicação seriada (ISSN)
  • NBR ISO 2108 – Número padrão internacional de Livro (ISBN)

A norma de 2002 citava três documentos diferentes desses aí de cima: o Código de Catalogação Anglo Americano (AACR); a NBR 10522 – Abreviação na descrição bibliográfica; e a NBR 6032 – Abreviação de títulos de periódicos e publicações seriadas. Agora NÃO É MAIS NECESSÁRIO CONSULTÁ-LOS. 😉 #adeusAARC2

Lembre de se certificar que está consultando as normas ABNT mais atualizadas! Se não sabe como fazê-lo, clique aqui. 😉

Por hoje é isso… segue a gente aqui no blog, no instagram e no youtube {e ativa as notificações} pra receber o alerta de novos posts. 😉